Conecte-se Conosco

Internacional

Furacão Ian causa ‘destruição catastrófica’ na Flórida e em Cuba; veja imagens

GREGG NEWTON/AFP - 28.09.2022
Compartilhe essa notícia:

Guarda Costeira busca desaparecidos de um naufrágio; há mais de 2 milhões de residências sem energia elétrica

  • Na tarde e noite desta quarta-feira (28), o furacão Ian atingiu fortemente a Flórida, nos Estados Unidos. Apesar de ter perdido intensidade, a tempestade provocou chuvas torrenciais e ventos potentes de 185 km/h (com rajadas de até 240 km/h), o que gerou inundações Na tarde e noite desta quarta-feira (28), o furacão Ian atingiu fortemente a Flórida, nos Estados Unidos. Apesar de ter perdido intensidade, a tempestade provocou chuvas torrenciais e ventos potentes de 185 km/h (com rajadas de até 240 km/h), o que gerou inundações “catastróficas” e corte de energia elétrica na região, segundo autoridades locais. A Guarda Costeira procurava 20 migrantes desaparecidos após um naufrágio ao sul da rota do furacão. Três pessoas foram resgatadas e quatro conseguiram nadar até a costa. Na foto, desta quinta (29), homem anda entre destroços causados pelos ventos na cidade de Punta Gorda (Flórida)Ricardo Arduengo/AFP – 29.09.2022

  • Barcos foram empurrados para fora da água em Fort Myers, na Flórida. O furacão provocou grandes inundações locais, segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC). A intensidade dos ventos caiu durante a noite, para 120 km/h, e o furacão foi rebaixado para a categoria 1 Barcos foram empurrados para fora da água em Fort Myers, na Flórida. O furacão provocou grandes inundações locais, segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC). A intensidade dos ventos caiu durante a noite, para 120 km/h, e o furacão foi rebaixado para a categoria 1JOE RAEDLE/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/Getty Images via AFP – 29.09.2022

  • Barco parcialmente submerso em Punta Gorda, na manhã desta quinta, após a passagem do furacão pela Flórida Barco parcialmente submerso em Punta Gorda, na manhã desta quinta, após a passagem do furacão pela FlóridaRicardo Arduengo/AFP – 29.09.2022

  • Ventania do furacão Ian jogou barco no apartamento desta moradora de Fort Myers (Flórida) Ventania do furacão Ian jogou barco no apartamento desta moradora de Fort Myers (Flórida)JOE RAEDLE/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/Getty Images via AFP – 29.09.2022

  • Outro barco arrastado pelos ventos na Flórida na tarde desta quarta (28) Outro barco arrastado pelos ventos na Flórida na tarde desta quarta (28)RICARDO ARDUENGO/AFP – 28.09.2022

  • Caminhonete circula numa rua da cidade de Tampa, na Flórida, entre destroços e grande ventania. Nesta quinta-feira (29), o furacão deve seguir pelo interior dos Estados Unidos e pode afetar os estados americanos da Geórgia e da Carolina do Sul. Cerca de 2 milhões de residências estão sem energia elétrica na Flórida Caminhonete circula numa rua da cidade de Tampa, na Flórida, entre destroços e grande ventania. Nesta quinta-feira (29), o furacão deve seguir pelo interior dos Estados Unidos e pode afetar os estados americanos da Geórgia e da Carolina do Sul. Cerca de 2 milhões de residências estão sem energia elétrica na FlóridaBRYAN R. SMITH/AFP – 28.09.2022

  • Nesta quarta (28), vento e chuva provocados pelo furacão Ian atingiram fortemente a cidade de Punta Gorda (Flórida) Nesta quarta (28), vento e chuva provocados pelo furacão Ian atingiram fortemente a cidade de Punta Gorda (Flórida)RICARDO ARDUENGO/AFP – 28.09.2022

  • A força dos ventos arrancou esta árvore do solo em Sarasota (Flórida), na tarde desta quarta (28) A força dos ventos arrancou esta árvore do solo em Sarasota (Flórida), na tarde desta quarta (28)SEAN RAYFORD/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/GETTY IMAGES VIA AFP – 28.09.2022

  • Ruas foram inundadas na tarde/noite desta quarta no estado da Flórida (EUA) Ruas foram inundadas na tarde/noite desta quarta no estado da Flórida (EUA)GREGG NEWTON/AFP – 28.09.2022

  • Antes de chegar à Flórida, o furacão Ian já havia provocado destruição e inundação em Cuba, também na quarta-feira (28). Na foto, carro circula em enchente na cidade de Havana, capital cubana Antes de chegar à Flórida, o furacão Ian já havia provocado destruição e inundação em Cuba, também na quarta-feira (28). Na foto, carro circula em enchente na cidade de Havana, capital cubanaYAMIL LAGE/AFP – 28.09.2022

Fonte R7

Compartilhe essa notícia:
Continue lendo
Propaganda
Programa Entre Falas com Camila Almeida